Novembro Azul: Câncer de Próstata

Novembro chegou e com ele uma importante campanha de conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata.  

A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e à frente do intestino e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma.

Durante o funcionamento da próstata, algumas células podem se desenvolver e multiplicar de forma anormal, provocando o surgimento de um tumor. O câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens e o segundo mais incidente no Brasil, é a causa de morte de 28,6% da população masculina que desenvolve neoplasias malignas. 

As maiores vítimas são homens à partir dos 50 anos, além de pessoas com presença da doença em parentes de primeiro grau, como pai, irmão ou filho. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata, segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

Sintomas e Fatores de Risco

Na fase inicial, o câncer de próstata não causa sintomas, e quando alguns começam a aparecer, a doença já está em fase avançada o que dificulta a cura. Os principais sintomas são:

  • dores ao urinar;
  • vontade de urinar com frequência;
  • presença de sangue na urina e/ou no sêmen;
  • dor óssea.

Os Fatores de Risco são:

  • histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio;
  • raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;
  • obesidade.

Prevenção, Diagnóstico e Tratamento

O exame de PSA (Antígeno Prostático Específico) é solicitado anualmente para acompanhar as alterações específicas da próstata. O resultado, quando alterado, pode indicar situações como inflamações, infecções, hiperplasia (crescimento benigno) e também o surgimento do câncer de próstata. 

O toque retal e a dosagem do PSA servem para indicar a necessidade da biópsia da próstata (retirada e análise de fragmentos da glândula, única forma de confirmar uma suspeita de câncer). A detecção do câncer de próstata pode ser realizada com exames clínicos, laboratoriais ou radiológicos (diagnóstico precoce).

O diagnóstico precoce é fundamental para aumentar as chances de cura. Para isso, é necessário o acompanhamento médico mesmo na ausência de sintomas! Homens à partir de 50 anos devem procurar um profissional especializado para uma avaliação individualizada.

Para previnir-se do Câncer de Próstata, pode-se adotar alguns hábitos como:

  • Manter uma alimentação saudável e equilibrada;
  • Não fumar.
  • Identificar e tratar adequadamente a pressão alta, diabetes e problemas de colesterol
  • Manter um peso saudável;
  • Praticar regularmente atividades físicas.

O tratamento é individualizado, envolve cirurgia, radioterapia e/ou quimioterapia, a depender do estágio da doença.

Ficou alguma duvida? Deixe aqui nos comentários e me siga nas redes sociais onde abordo outros temas com frequência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »