Câncer de Mama: Principais Sintomas

Publicado por drwilliamitikawa em

Câncer de Mama: Principais Sintomas

Aproveitando o mês de outubro e a campanha de conscientização sobre o Câncer de Mama, gostaria de conversar com vocês sobre o tema e ajudá-las a entender um pouco mais sobre essa doença. Fundamental saber como identifica-lá precocemente, permitindo um tratamento precoce e até a cura.

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação desordenada de células da mama, processo que gera células anormais que se multiplicam e formam um tumor. Existem vários tipos de câncer de mama, sendo alguns mais agressivos que outros.

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, correspondendo a cerca de 25% dos casos novos de câncer. No Brasil, esse percentual é de 29%. (fonte: Inca) sendo  mais frequente nas mulheres das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste. 

Apesar de raro, homens também podem desenvolver, representando apenas 1% do total de casos da doença. Existe tratamento para câncer de mama no Brasil gratuitamente por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Principais Sintomas

O sintoma mais comum do câncer de mama é o aparecimento de nódulo, geralmente indolor, duro e irregular, mas há tumores que são de consistência mais branda, globosos e bem definidos. 

Outros sinais de câncer de mama são:

* edema cutâneo (na pele), semelhante à casca de laranja;

* retração cutânea;

* dor;

* inversão do mamilo;

* hiperemia;

* descamação ou ulceração do mamilo;

* secreção papilar, especialmente quando é unilateral e espontânea.

Muito importante entendermos o que é o câncer de mama e suas características, para conseguirmos um diagnóstico precoce levando a altas taxas de cura.

No próximo post irei compartilhar com vocês quais são os principais fatores de risco da doença. 

Fique atenta, até mais!


drwilliamitikawa

Médico Cirurgião Plástico em Curitiba -PR, especialista em Cirurgia Plástica Estética, Reparadora e Microcirurgia e Diretor Técnico do Hospital Erasto Gaertner, Hospital referência em oncologia.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »